Como o profissional de baixa renda poderá se qualificar?

Diante de crises mundiais e escassez de recursos, vivemos um cenário onde cada vez mais se exige fazer mais com menos. A qualificação profissional se tornou imperativo no mercado de trabalho e a busca por qualificação desencadeou um crescimento no número de faculdades e procura por cursos de nível superior.

Porém a demanda por cursos de nível superior é bem superior do que a oferta de vagas em universidades públicas, o que gera um novo problema a se resolver: Como o profissional de baixa renda poderá se qualificar?

Diante deste cenário percebemos os esforços que estão sendo realizados pelas faculdades e por programas que atuam visando a responsabilidade social, oferecendo bolsas e descontos, que possibilitam o ingresso de boa parte da classe menos favorecida ao nível superior.

A Faveni, é uma faculdade que tem como excelência a educação e formação do aluno, sempre oferece bolsas de estudos, descontos nas mensalidades de novos de alunos. Conseguir uma bolsa de estudos em uma universidade privada pode ser a melhor opção para muitos estudantes brasileiros, devido as instituições públicas terem uma grande competitividade e uma baixa disponibilidade de cursos.

profissional baixa renda

A Faveni sabe que muitas pessoas tem o desejo de fazer uma graduação, mas não tem muitas oportunidades e condições para concretizar tal sonho. Então para facilitar e aumentar a chance de muitos, o EDUCA MAIS BRASIL e o QUERO BOLSA estão em parceria com a Faveni, oferecendo bolsas de estudos imperdíveis com grandes porcentagens de descontos para a tão sonhada faculdade.

Visando um país onde a educação seja uma realidade para todos,  a Faveni está sempre um passo a frente, procurando desenvolver  profissionais competentes para o nosso atual mercado de trabalho. Possuir uma graduação atualmente é essencial para construir uma boa carreira. O mercado de trabalho cada vez mais exige a educação formal especializada. Nesse caso, as bolsas de estudos podem ser um fator determinante para a carreira decolar de verdade.

Estudos apontam que o Brasil já carece de mão de obra especializada em diversos setores. E esta é uma preocupação, pois a não qualificação profissional é um fator de obstrução para o crescimento da economia do país. Tendo em vista que as empresas terão seus custos elevados para produzir em comparação a centros que possuem mão de obra qualificada a disposição.

O cenário para o futuro é desafiador, já alcançamos muitos avanços, porém se faz necessário continuar esta jornada de democratização do ensino superior, qualificando nossos profissionais para o futuro que já chegou.